sexta-feira, 18 de dezembro de 2009

Lula arrasou, Obama é uma vergonha.

Detesto o Lula e não faço segredos. Acho que se uniu com a pior espécie de gente possível e que finge não estar vendo a corrupção desenfreada do país. Todavia, reconheço nele um gênio, um exemplo de mobilidade social, uma esperança e a vontade de acertar. Hoje ao assistir seu pronunciamento em Copenhague quase me emocionei. Falou sem jamais ler o discurso e com muita sinceridade. Mesmo que o discurso não tenha sido preparado por ele, sua naturalidade e convicção impressionaram a todos. Fez muito bem o dever de casa. Foi aplaudidíssimo e mereceu os aplausos. Senti muito orgulho do Brasil que, mesmo com um grave problema social, se propõe a efetuar grandes mudanças e investimentos no meio ambiente pelo bem da humanidade. O "Filho do Brasil" é realmente "O cara". Na seqüência, falou a grande decepção do ano “o Obama Nobel da Paz”. Embora mais simpático que o Bush, sua origem africana não me emociona mais. Acho que ele está cada vez mais com a cara do texano. Seu discurso foi claramente dirigido ao eleitorado e apelou até para a segurança nacional. Falou que os Estados Unidos se propõem a fazer muito, sem mencionar que não se propõem sequer a cumprir com as metas que deveriam ter se comprometido em Kioto há muitos anos atrás. Continuarão a jogar a espalhar seu lixo no mundo e ainda por cima acham que estão fazendo muito. Não se importam em destruir boa parte da vida do planeta e até com o desaparecimento de alguns países que serão inundados e arrasados por tornados. L’Amérique a donnée un grand “désolé” au monde. Que vergonha.

5 comentários:

  1. Sou um crítico do Lula, mas reconheço nele um dom carismático impressionante. Definitivamente, Lula não é uma pessoa normal. Ele tem uma grande capacidade de emocionar e ele sabe e utiliza isso. Eu tenho no depósito até elogiado o Lula e seu espírito conciliador. Mas me perguntaram, quando, onde e como Lula foi conciliador? Eu fiquei pensando, pensando e pensando.

    ResponderExcluir
  2. darling concordo contigo em relação a ambos os presidentes, e realmente fico pensando se o que nos resta em relação ao planeta é a esperença

    ResponderExcluir
  3. Maia,
    Hoje foi um bom exemplo, mencionado inclusive pelo Chairman da Conferência quando terminou o seu discurso.

    Darling, nesse momento a esperança é tudo.

    ResponderExcluir
  4. Acho que fomos ingênuos em esperar que o Obama pudesse ser diferente ,afinal ÊLE é um americano de formação aristocrática, presidente de um país que ainda se mantém por seu capitalismo sevagem.
    Êle só é mais Folk e sua mulher um fenômeno fashion. As filhas esguias, elegantes contribuem para o glamour da Casa Branca.
    Concordo com tua apreciação sobre o LULA.
    Apesar de tudo êle é o cara.
    Bjos.
    Quiteria

    ResponderExcluir
  5. Quitéria, amei seu comentário. Beijos, Trráqueo

    ResponderExcluir

Encontrei seres