segunda-feira, 4 de janeiro de 2010

Paris é uma festa VI

J’ai beaucoup aimé la gastronomie parisienne. Samedi, par hasard, je suis allé dans un petit bistrot au Marais et j’ai mangé un delicieux plat de fruits de mer avec des praires, des clams, des bulots, des huîtres et des crevettes. Comme déssert une dame blanche. Et pour accompagné mon repas un petit vin blanc. Dimanche, sur la recommandation de mon ami Paulo Amaral, je suis allé au restaurant "Benoit", le bistrot d’Alain Ducasse. Chez Benoit ce n’est pas cher (34,00 euros pour le menu dégustation) et le repas est extraordinaire.Il faut réserver.





Terrine de foies de volaille.


Tranche de boudin noir rissolée aux deux pommes.


Savarin au rhum, crème fouettée.

6 comentários:

  1. Parecem saídos da época da inocência esses pratos...

    ResponderExcluir
  2. Ai que inveja desta comidinha básica ... A última vez que fomos a Paris (em agosto), todos, eu digo TODOS, os bistrôs estavam fechados em férias coletivas. Decepção total. Beijos, karin

    ResponderExcluir
  3. Bípede, você amaria os outros pratos do cardápio, porque o "boudin noir" também conhecido como "mursilha" não é muito do seu estilo. Mas você tem tempo para ir a esse Bistrot. Ele foi fundado em 1912 e existe até hoje. Acho que eles mantém o mesmo desenho nas porcelanas.

    Karin, que pena. Logo vocês estarão na estrada, digo, no avião de novo.


    Beijos,

    Terráqueo

    ResponderExcluir
  4. Terráqueo, tu est très très chique. J'aime beaucoup la cuisine française. Aliás, já que estás aí, talvez ainda de tempo de conheceres, se é que já não conheces, o Musée du Vin. É pertinho da Tour Eiffel. Site officiel du MUSEE DU VIN PARIS
    Rue des Eaux - 5, square Charles Dickens - 75016 PARIS
    Métro : Passy - RER : Tour Eiffel-Champs de Mars - Bus : 72
    Tél : 01 45 25 63 26 - Fax : 01 40 50 91 22.
    É melhor reservar também e é um pouco mais caro mas juro que vale a pena.
    E tem um lugar que sou louca para conhecer mas ainda não fui. Chama-se Le Gran Colbert 2, rue Vivienne - 75002 Paris. Tél: 01 42 86 87 88. Esse eu ainda não conheço, mas já tô me escalando para a próxima ida. Deve ser um pouco mais caro ainda, mas é muito lindinho e uns amigos disseram que é super. E deve ser um lugar bem merecido para depois de se terminar uma maratona.
    Aliás, coisa que deves estar fazendo diariamente por aí. Tuas fotos estão simplesmente lindas. Tem uma do quai do Sena meio no por do sol pela qual me apaixonei totalmente. Posso dar uma "roubadinha" em algumas??? Você é um profissional.
    Grande beijo krido.
    Marie

    ResponderExcluir
  5. Marie,
    Estou me esforçando para ficar chique mas continuo na verdade a mesma pessoa saída da serra gaucha.
    Infelizmente Já estou na Suíça novamente e neva sem parar. Meu carro está coberto de neve e daqui a pouco terei que sair para tirar a neve de cima do carro com uma pazinha. Nada chique. Adorei suas indicações. Da próxima vez vou conferir. Conheço bem o Le Gran Colbert e acho uma delícia. É uma das brasseries mais bonitas de Paris (é a Colombo deles). A primeira vez que eu fui lá foi em razão do filme "Alguém tem que ceder" que eu vi justamente um dia antes de embarcar para a França. Tem uma cena linda em que a Diane Keaton está comemorando seu aniversário com o Keanu Reeves e chega o Jack Nicholson. Acho o lugar uma delícia e tem uma ótima relação custo benefício. O melhor é que o gerente adora o Brasil. Fico contente que tenha gostado de minhas fotos. Pode roubá-las a vontade. Beijo,

    Terráqueo

    ResponderExcluir
  6. Voltei para olhar os pratos e os pratos, os de servir e os de comer, que eu adoro uma bela louça e uma boa comida, e, como hoje o senhor bípede voltou para Porto Alegre, quem fez o jantar fui eu. Pobre pequeno bípede.

    ResponderExcluir

Encontrei seres