sábado, 6 de março de 2010

Budapeste III

Mesmos os ateus como eu não conseguem deixar de ficar deslumbrados com a beleza, luxo e extravagância das igrejas e sinagogas européias. Impressionante como arquitetos católicos e judeus adoram dourado. O luxo da igreja é algo bem parecido com a da histórinha da manjedoura. Fico imaginando como será a sinagoga por dentro. As abóbadas douradas são de arrasar. Vejo do meu quarto também. Quase ofuscam.







2 comentários:

  1. Assim nas fotos a cidade não parece mal cuidada.
    Parece incrível. O mundo húngaro deve ser mesmo uma experiência única.

    ResponderExcluir
  2. A cidade é lindíssima, mas como a parte antiga do Rio a maioria dos edifícios estão acabados. Fui gentil com a cidade e não tirei fotos do que não está bem, mas a verdade é que é um lugar bem pobre, tipo Brasil. Só não tem favela e é seguro. Caminhei toda a beira do rio à noite, estava vazio, e ninguém me pediu dinheiro. No Brasil teria sido assaltado com certeza.

    ResponderExcluir

Encontrei seres