terça-feira, 6 de abril de 2010

A viagem

Corri para não perder o trem. O trem que me afasta e não me permite parar quando quero. Que torna a vida lá fora um filme, que com seu barulho e embalo hipnótico, mistura a realidade com imagens do passado e com sonhos. Lembro do odor de um “fromage” a inundar o vagão, da chegada no topo do mundo, da primeira impressão da big Apple, do olhar amoroso parado enquanto eu partia da terra de sua magestade, da dor que isso me causou. Pela janela passam campos, cidades, rios, “chateaus”, montanhas e lagos. O mesmo lago que na ida era azul, na volta é negro. Me conta que já tragou muitas pessoas, e que eu posso ser o próximo. Pergunta se eu não tenho curiosidade de saber o que aconteceu com elas? O reflexo das luzes distantes do outro lado da margem torna a visão mais sombria. Me faz lembrar da luz verde da casa da pobre Daisy. Penso um pouco. Fico assustado. De repente, escuto uma galinha cocoricar. Não pode ser. Ouço de novo: - "Alguém vai querer uma bergamota? Um mandolate? Um suco de uva? Um queijo da colônia?". Sou acordado pela inesperada mensagem no celular. Sinto alegria e tristeza. Ainda atordoado, escuto: “Prochain Arrêt, Lausanne”.

6 comentários:

  1. Seu texto me lembrou viagens antigas, a dor e o prazer de chegar e partir. O novo, a descoberta e o deixar para trás.

    ResponderExcluir
  2. Mal posso esperar pela hora em que a sua viagem seja de volta ao Rio!

    ResponderExcluir
  3. Lucia, o meu texto foi sobre isso mesmo. Ontem voltando de Bern para Lausanne era esse o meu sentimento.

    Bípede,

    Também não vejo hora de voltar ao Brasil e de preferência pegar a primeira conexão para Porto Alegre. Minha próxima viagem será provavelmente nessa semana para Londres, e no fim de semana vou esquiar em Le Tour (França, ao lado de Chamonix)com um casal de amigos de Porto Alegre. Espero que minhas pernas permitam pelo menos um pouco.

    ResponderExcluir
  4. Ultimamente viajo apenas no caos. De dentr e de fora.
    Escapadas rapidas e fugazes apenas.
    Linda a sua viajem.
    E o vidéo.

    ResponderExcluir
  5. Te ver aqui novamente me encheu de alegria.
    Saudades,
    Terráqueo

    ResponderExcluir

Encontrei seres