terça-feira, 24 de agosto de 2010

Quando eu te amarei?

"Quando eu te amarei?
Pode ser jamais,
pode ser amanhã.
Mas não hoje, isso é certo."



Habanera

Quand je vous aimerai?
Quando eu te amarei?
Ma foi, je ne sais pas,
Juro, eu não sei,
Peut-être jamais,
Pode ser jamais,
peut-être demain.
pode ser amanhã.
Mais pas aujourd'hui,c'est certain.
Mas não hoje, isso é certo
L'amour est un oiseau rebelle
O amor é um pássaro rebelde
Que nul ne peut apprivoiser,
Que não podemos aprisionar
Et c'est bien en vain qu'on l'appelle,
E está bem que em vão o chamamamos
S'il lui convient de refuser.
Se a ele convém recusar
Rien n'y fait, menace ou prière,
Nada vai funcionar, ameaça ou oração
L'un parle bien, l'autre se tait;
Um fala bem, outro se cala
Et c'est l'autre que je préfère
E é ao outro que eu prefiro
Il n'a rien dit; mais il me plaît.
Ele não disse nada, mas ele me agrada
L'amour! L'amour! L'amour! L'amour!
O amor! O amor! O amor! O amor!
L'amour est enfant de Bohême,
O amor é um menino de etnia cigana
Il n'a jamais, jamais connu de loi,
Ele jamais, jamais conheceu a lei
Si tu ne m'aime pas, je t'aime,
Se você não me ama mais, eu te amo,
Si je t'aime, prend garde à toi!
Se eu te amo, cuide-se!
Si tu ne m'aime pas,
Se você não me ama,
Si tu ne m'aime pas, je t'aime!
Se você não me ama, eu te amo!
Mais, si je t'aime,
Si je t'aime, prend garde à toi!
Se eu te amo, cuide-se!
Si tu ne m'aime pas,
Se você não me ama,
Si tu ne m'aime pas, je t'aime!
Se você não me ama, eu te amo!
Mais, si je t'aime,
Mas, se eu te amo,
Si je t'aime, prend garde à toi!
Se eu te amo, cuide-se!
L'oiseau que tu croyais surprendre
O pássaro que você acreditava surpreender
Battit de l'aile et s'envola;
Bateu as asas e voou;
L'amour est loin, tu peux l'attendre;
O amor está longe, tu podes o esperar;
Tu ne l'attend plus, il est là!
Tu não o espera mais, ele está aqui!
Tout autour de toi vite, vite,
Ao redor de você rápido, rápido,
Il vient, s'en va, puis il revient!
Ele vem, ele vai, mas ele volta!
Tu crois le tenir, il t'évite;
Tu acretitas o ter, ele te evita:
Tu crois l'éviter, il te tient!
Tu acreditas lhe evitar, ele te prende!
L'amour, l'amour, l'amour, l'amour!
O amor, o amor, o amor, o amor!
L'amour est enfant de Bohême...
O amor é uma criança cigana...

7 comentários:

  1. Contanto que haja esperança de que um dia o amor acontecerá ... Futuros amantes:

    "Não se afobe, não
    Que nada é pra já
    O amor não tem pressa
    Ele pode esperar em silêncio
    Num fundo de armário
    Na posta-restante
    Milênios, milênios
    No ar"

    Bjs
    Lúcia

    ResponderExcluir
  2. Lucia,


    Essa música não se afobe não tem sido um lema na minha vida. Por isso tive tão poucos amores até hoje. Seleciono bem, só entro em um relacionamento quando me apaixono. Beijos.

    ResponderExcluir
  3. Gosto tanto de Habanera que ouço com Maria Callas e com Edson Cordeiro. Bem diversas interpretações, no entanto, aprecio as duas.

    ResponderExcluir
  4. Muito bom. Nunca tinha prestado atenção na letra. Merci.

    ResponderExcluir
  5. Ivone,

    Também adoro a interpretação da Callas, uma das minhas cantoras favoritas. A do Edson Cordeiro ainda não ouvi, mas acho ele talentosíssimo. Obrigado pela visita. Estou tão ocupado, que não tenho conseguido visitar ninguém.
    Um grande beijo.

    Maia,
    Carmen é uma obra-prima, não só pela música, mas as letras são fantásticas. Um grande abraço.

    ResponderExcluir
  6. Que lindo Darling, adorei

    ResponderExcluir
  7. Darling,
    Imaginei que você fosse gostar. Um grande beijo,

    Terráqueo

    ResponderExcluir

Encontrei seres