sábado, 22 de janeiro de 2011

Viver

Desejo viver a vida agora, tentar fazer dela algo parecido com meus sonhos mais delirantes, mas aceitar que tudo pode sair diferente, e até mesmo dar errado, e ainda assim valer. Não deixar de gostar de mim mesmo e das pessoas que me decepcionaram, desculpar-me pelos meus erros, e sobre tudo aproveitar a vida, pois ela é a realidade.

2 comentários:

  1. Marcelo, querido, esta música era o hino de um amigo enquanto secretário de nosso estado..

    ResponderExcluir
  2. Caro Pepo,

    Não sei qual era o secretário, pois não vejo os noticiários de Poa há muitos anos, mas que pelo menos bom gosto musical ele deveria ter. Abraço.

    ResponderExcluir

Encontrei seres