domingo, 3 de junho de 2012

Realidade re-velada - a linha do tempo - Exposição de Eduardo Ventura

Fiquei muito impressionado com a exposição do Eduardo Ventura, que inaugurou no dia 26 de maio, na Galeria Sergio Gonçalves, na Rua do Rosário, 38, no Rio de Janeiro. Esse talentoso artista, agraciado com a medalha de bronze no Carrossel do Museu do Louvre em Paris, tem um trabalho diferente, em que a transitoriedade e a solidão do ser humano confundem-se com o passar do próprio tempo. Seus trabalhos contam com um refinado senso estético. O retrato de um homem sentado em uma cadeira na beira da praia mexeu muito comigo. Conheço bem o sentimento de quem fica sentado na beira da praia a pensar.

4 comentários:

  1. Lucia, ao visitar essa exposição lembrei de ti. Achei que tu irias gostar. Bjs.

    ResponderExcluir
  2. Adorei esses traços que atravessam e se misturam com as pessoas.
    Muito!
    beijoss

    ResponderExcluir
  3. Bípede, não sei onde vou colocar pois não tenho mais paredes, mas ainda vou ter um quadro dele aqui em casa. Bjs.

    ResponderExcluir

Encontrei seres