domingo, 7 de outubro de 2012

O olhar impressionista de Ana Terra

E ficou o registro do tempo em que para os três pequenos entrar em um caíque era um perigo, atravessar um riacho de águas rasas uma façanha, pegar barba de pau no mato do açude uma coisa mágica e, em que procurar a toca da tigra, sempre tão bem escondida, era uma aventura e tanto, testemunhada pelo olhar amoroso da mãe, cuja lembrança lhes faria tão bem muitos anos depois.

Nenhum comentário:

Postar um comentário

Encontrei seres